Entre banana-maçã e banana nanica, qual devo comer?

 em Bananas Magário, Curiosidades, Saúde

A banana é uma fruta que surgiu no continente asiático. No entanto, a fruta se adaptou tão bem ao solo brasileiro que, hoje, nós somos o país que mais consome banana no mundo. São 27 quilos por ano! Além de ser repleta de carboidratos, que dão energia ao corpo, a fruta tem alta concentração de vitaminas e minerais. Ninguém sabe quantas espécies da fruta existem ao redor do planeta, mas os especialistas dizem que existem diferenças entre uma variedade e outra. As mudanças são pequenas, mas são significativas. Vale prestar atenção na hora de ir ao supermercado ou ao varejão. É o caso da banana-maçã e da banana nanica.

 

Para quem pratica esportes

Para atletas, especialmente aqueles que praticam exercícios aeróbicos, ou seja, que demandam grande esforço físico e muita energia, como corrida, a banana nanica é a mais vantajosa. Isso porque esta espécie, comparada com as demais, tem mais carboidratos, que se transformam em glicose e, depois, se torna energia no corpo humano.

 

A banana nanica também tem maior quantidade de potássio. Não é raro escutar que, para não ter câimbra, é preciso comer banana. Isso não é mito e a ciência comprova: a fruta tem potássio e magnésio, sais minerais que estão diretamente relacionados com a contração muscular e dos nervos. Por isso, a banana nanica evita as dores musculares. Além de prevenir a câimbra, estes mesmos sais minerais ajudam a controlar os batimentos cardíacos e a pressão sanguínea. Só vantagem!

 

Para quem luta contra a balança

Se sua maior vontade é perder uns quilinhos e fazer as pazes com a balança, a melhor alternativa é a banana-maçã, que tem menos quantidade de carboidrato em sua composição. Esta espécie também tem boas doses de fibras solúveis, que trazem a sensação de ‘barriga cheia’. Ela pode ser ingerida no café da manhã, no almoço e até mesmo no jantar. Outra alternativa valiosa é comê-la entre uma refeição e outra, por ser um lanchinho leve e ‘forrar o estômago’ para você não chegar com muita fome na hora do almoço ou do jantar e exagerar no prato.

 

Afinal, comer banana engorda?

Entre uma variedade e outra, é claro que existem alternativas menos calóricas, como é o caso da banana-maçã. No entanto, de maneira geral, não há muito com o que se preocupar ao comer bananas. Tudo depende da quantidade. A maioria dos nutricionistas e especialistas em saúde recomendam que devemos comer duas bananas por dia. Se você comer mais do que isso ou não se exercitar, a energia que vem do carboidrato voltará a ser glicose e, com isso, existe a chance de engordar.

 

Um dos principais benefícios da banana é que, como explicado, ela é repleta de fibras alimentares. Essas substâncias ajudam a regular o intestino. Em caso de prisão de ventre, o recomendado é comer a fruta quando ela estiver bem madura. Por outro lado, se você estiver com o intestino solto, a dica é comer uma banana mais verde, pois ela ajudará a controlar a diarréia.

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário