Você sabia? Banana nanica combate envelhecimento, catarata e até depressão

 em Bananas Magário, Curiosidades, Saúde

Entre espécies cultivadas por agricultores e aquelas que só nascem na selva, existem quase mil tipos de bananas diferentes espalhadas pelos cinco continentes do mundo. É um alimento tão famoso que alguns historiadores suspeitam que a banana seja a fruta mais antiga do planeta. No Brasil, a espécie mais popular é a banana nanica, também conhecida como banana d’água.

 

Brasileiros: os que mais comem banana no mundo

Os historiadores dizem que a banana chegou ao Brasil de caravela, junto com as malas dos portugueses, durante o século XVI, no ano de 1.500. Por outro lado, existem relatos de que a fruta já existia por aqui por meio das espécies nativas. Independentemente da origem, a fruta se adaptou ao clima, ao solo e ao nosso paladar. Hoje, a gente come muita banana. Muita mesmo: cada brasileiro consome, em média, cerca de 27 quilos de banana por ano, enquanto pessoas de outros países, por outro lado, consomem “apenas” 11 quilos.

 

E a gente não está errado, não, viu? Podemos comer banana à vontade, porque a fruta é muito saudável. Dá energia, pois são rica em carboidratos, tem pouca gordura, muitos minerais e, para fechar a dieta balanceada recomendada por nutricionistas, a fruta também tem vitaminas.

 

Sais minerais

Não é raro escutar que, para não ter câimbra, é preciso comer banana. Isso não é mito e a ciência comprova: a fruta tem cálcio e fósforo, que ajudam na formação dos ossos e dos dentes, e tem potássio e magnésio, sais minerais que estão diretamente relacionados com a contração muscular e dos nervos. Por isso, a fruta evita as dores musculares. Além disso, estes mesmos sais ajudam a controlar os batimentos cardíacos e a pressão sanguínea.

 

Vitaminas

A banana é repleta de vitaminas. Uma delas é a vitamina A, que ajuda a manter a pele, a vista e o sistema imunológico saudáveis. Para ajudar nesta tarefa, a fruta também tem vitamina C, uma das mais difíceis de manter no corpo, que sai até pelo suor. A vitamina C auxilia na produção de colágeno, que dá a elasticidade adequada para manter uma pele bonita, ajuda no crescimento do cabelo e, ainda mais importante, na formação dos glóbulos vermelhos do sangue, que são os principais defensores do nosso organismo contra infecções e inflamações.

 

A banana também tem vitamina B1, que mantém o sistema nervoso e circulatório em bom funcionamento e, com isso, melhoram a função cerebral, ajudando a combater a depressão, o cansaço e o envelhecimento.

 

Por último, a banana ainda tem vitamina B2, que ajuda a prevenir a catarata, aquela doença, muito comum em idosos, que deixa a visão nublada, atrapalha a ler, a dirigir e até mesmo a interpretar a expressão das pessoas durante um bate-papo ou uma discussão.

 

A banana nanica é a espécie que a gente mais consome. Ela tem 87 calorias a cada 100 gramas e, além de todos os benefícios citados acima, tem efeito laxante e ajuda a regular o funcionamento do intestino. A casca dela é fina e não é cem por cento amarela. Mesmo quando está madura, ela tem uma coloração levemente esverdeada. Mas não precisa se preocupar: a polpa da fruta é doce, macia e cheirosa!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário